O Bebê (quase) Inesperado (Tay Alvez)

domingo, 18 de setembro de 2022

Ficha Técnica:

Nome Original: O Bebê (quase) Inesperado
Autor: Tay Alvez
País de Origem: Brasil
Número de Páginas: 221
Ano de Lançamento: 2022
ISBN: B09Y4M5WXD
Editora: Kindle
SKOOB | GOODREADS | Compre na AMAZON

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 67º livro lido em 2022 e foi O Bebê (quase) Inesperado (Tay Alvez). Acompanho o trabalho da Tayana há um tempo e faltava este lançamento para ler, por isso, fiquei animada em mais uma leitura do seu trabalho.
O livro nos traz a Lorena, uma mulher que bem-sucedida em seu trabalho, dona de uma rede de Pet Shops, que já foi casada e ficou frustrada ao descobrir que com o marido não poderia realizar o seu maior sonho: ser mãe. Em função de uma incompatibilidade genética, o casal não conseguiu ter um filho, o que levou o relacionamento ao desgaste extremo, culminando no divórcio. Após se reerguer emocionalmente e resignada que nem tudo na vida é alcançado, Lorena decide que ao menos, pode se divertir. Entra em um aplicativo de encontros e conhece o Ravi, um rapaz com quem se encontra e ambos desenvolvem carinho e atração mútuos.

Ravi é DJ e apesar de mais novo que Lorena e sem a bagagem emocional dela, é maduro para cuidar de si mesmo, saber o que quer da vida e ser responsável afetivamente. A busca dos dois no aplicativo era casual, mas eles se apaixonam para valer e um romance muito gostoso de acompanhar se estabelece na narrativa, até que Lorena fica grávida e uma série de inseguranças a assalta e a leva a acreditar que mais uma gravidez pode não chegar ao fim, uma vez que ela já sofreu alguns abortos em seu relacionamento anterior.

Lorena é muito admirável! Forte, inteligente, bem-humorada e consciente do seu lugar no mundo, é muito fácil torcer por ela. De igual modo, nos envolvemos rapidamente com Ravi que além de atraente, é um personagem leve e interessante. Por isso, quando a problemática da narrativa se estabelece, sabemos que os dois a vencerão da forma mais prudente e sensata possível. Embora seja previsível, em momento algum o livro perde o ritmo ou a relevância de sua escrita, já que abordagens muito interessantes são feitas durante o seu desenvolvimento.

O que me chama a atenção na narrativa da autora é que ela consegue abordar temas seríssimos, como a maternidade, sem cansar o leitor ou fazer disso um grande drama. O tema da adoção também é inserido na narrativa e a forma como a autora o aborda é pertinente, muito interessante e leva a reflexões ao longo da leitura.

Como o romance é formado por um casal negro, o racismo os alcança em um dado momento e embora não seja o tema central do livro, é também refletido para que não se perca a oportunidade de combater esse crime absurdo.

Enfim, foi uma leitura que me fez bem em muitos aspectos e me deixou muito surpresa em encontrar temas tão adultos e que devem ser discutidos em diversas fases de nossa vida em um romance. Sem dúvida, esse foi o livro da autora que eu mais gostei e sigo acompanhando seu trabalho que amadurece de forma brilhante e nos enche de orgulho por ser uma autora nacional executando um trabalho lindíssimo com seu talento.

Adorei!!!


Um pouco sobre a autora: Um pouco sobre a autora: Tayana Alvez nasceu em 1992, na cidade de Queimados – RJ. Além de passar madrugadas escrevendo, está cursando o último ano do Mestrado em Gestão na Universidade da Beira Interior – Portugal. Atualmente, mora em Dublin com o mocinho de romances com o qual escolheu se casar. 

Seus livros publicados são:

    • Eu Quero Mais
    • O Irlandês
    • O Casamento
    • Calafrio
    • Proibida Para Mim
    • Proibida de Amar
    • Proibidos de Esquecer
    • O Bebê (quase) Inesperado
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ivi Campos

46 anos. De todas as coisas que ela é, ser a mãe do André é a que mais a faz feliz. Funcionária Pública e Escritora. Apaixonada por música latina e obcecada por Ricky Martin, Tommy Torres, Pablo Alboran e Maluma! Bookaholic sem esperanças de cura, blogueira por opção e gremista porque nasceu para ser IMORTAL! Alguém que procura concretizar nas palavras o abstrato do coração.




.

Colunistas

sq-sample3
Kesy
sq-sample3
Kelly
sq-sample3
Laís

Facebook

Instagram

Resenhas

Filmes

Meus Livros

Músicas

Youtube


Arquivos

Twitter

Filmes

Mais lidos

Link-me

Meu amor pelos livros
Todas as postagens e fotos são feitas para uso do Meu amor por livros. Quando for postado alguma informação ou foto que não é de autoria do blog, será sinalizado com os devidos créditos. Não faça nenhuma cópia, porque isso é crime federal.
Tecnologia do Blogger.