3.6.20

Manda na minha Estante #10 Rachel Gibson


Oi gente que ama livros, hoje é dia da coluna Manda na Minha Estante, que consiste em compartilhar o meu amor por alguns autores com vocês. A autora do mês é a maravilhosa Rachel Gibson, que nasceu em Nova York, escreve desde os 16 anos e já ganhou vários prêmios importantes por suas obras.

Qual o primeiro dela que você leu? Foi o Loucamente Sua. O livro começa com a morte de Henry, padrasto de Delaney e pai de Nick. Com a morte dele, o casal que não tem contato há muito tempo, se encontra no funeral e para a leitura do testamento. Ambos cresceram na minúscula cidade de Trully e enquanto Delaney teve uma vida de princesa com o padrasto, Nick cresceu a margem disso tudo como filho bastardo e alimentou uma hostilidade absurda para com o pai que nunca o reconheceu durante toda a sua vida. Como se não fosse suficiente, Rachel e Nick tiveram uma relação no passado e agora precisam respeitar algumas exigências nada ortodoxas do testamento do falecido Henry para que possam receber a herança. Delaney, que odeia a pequena cidade terá que morar lá durante um ano e Nick, grande conquistador e mulherengo, não poderá se envolver fisicamente com Delaney. A premissa do livro é previsível e sabemos como será o fim da história, mas a autora foi brilhante na narrativa e construiu os personagens de uma maneira tão bacana, assim como todo o enredo, que quando percebi, já havia concluído a leitura e estava com saudade do casal.

Qual o último livro dela que você leu? Foi True Love and Other Disasters, ainda não publicado no Brasil. O livro começa com o falecimento do dono do time de Hóquei profissional Chinooks. Virgil Duffy morreu aos 80 anos, deixa uma herança generosa para o único filho Landon e o time de Hóquei para sua jovem e linda esposa Faith, o que deixou Landon irritadíssimo. Uma das primeiras coisas que ele tenta fazer após a leitura do testamento do pai é comprar o time de Faith e ela quase o vende, uma vez que mesmo estando casada com Virgil por 5 anos, nunca conseguiu gostar de Hóquei. Porém, Landon é extremamente desagradável durante os trâmites da venda, Faith desiste de vender e decide se empenhar para que o time conquistasse o campeonato mais importante da liga, a Copa Stanley. O livro começa com todos os jogadores do Chinooks muito preocupados com a nova dona porque é muito óbvio que ela só se casou com Virgil por dinheiro, pois é 50 anos mais nova que o marido. Como se isso não bastasse para alimentar o preconceito de todos aqueles homens, Faith era dançarina de strip tease e posou nua para a revista Playboy antes de se casar com Virgil. Mesmo assim, ela tenta passar por cima de tudo isso, seguir com sua nova função e se inteirar de todas as atividades que o time executa.
⠀⠀⠀
Um livro dela que não pode deixar de ler esse ano? Sem nenhuma previsão de quando seus livros chegarão ao Brasil, quero ler em inglês Any Man of Mine, o último livro da série Chinooks
Sinopse (Skoob): O que acontece em Las Vegas. . . nem sempre fica em Vegas. A “lista de coisas a fazer” de Autumn Haven em Las Vegas dizia para assistir a um show e jogar nos caça-níqueis e não acordar casada com um imbecil sexy como Sam LeClaire. No primeiro momento em que o viu olhando para ela como um pedaço delicioso do bufê de sobremesas, sua consciência geralmente responsável lhe disse para correr. E ela fez - diretamente a fantasia de fim de semana mais louca de sua vida. Mas a manhã de segunda-feira a sacudiu de volta à realidade e antes que ela pudesse dizer "quer um café", Sam foi embora. Agora, uma organizadora de casamentos bem-sucedida, Autumn não via o astro do hóquei há quase dois anos... até que ela organizou "O Dia Especial" ao seu companheiro de equipe, onde Sam fez uma grande jogada para continuar de onde parou! Mas ela prometeu que nenhum homem a despedaçaria novamente. Seria Sam o homem para ela ou ela o baniria para o banco de penalidades para sempre?

Hora do hype: um livro superestimado dela. Nenhum! Na verdade, a divulgação do trabalho da autora no Brasil é minúscula. Poucas pessoas a conhecem e seus livros nunca são hypados, o que é uma injustiça imensa.

Os queridinhos: qual seu top 3 dela?
    • Simplesmente Irresistível
    • Sempre ao Seu Lado
    • Sem Clima Para o Amor⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Sem fôlego: um livro dela que te surpreendeu? Sem dúvida foi Sempre ao Seu Lado. O livro nos traz a Maddie, uma escritora bem-sucedida que escreve sobre assassinos em série. Ela conta a história de vida de homens e mulheres que acometidos por um ou por vários distúrbios mentais, matam pessoas em função de algum motivo original. Maddie decide escrever sobre um crime que aconteceu em Trully, pequena cidade de Idaho nos Estados Unidos e parte para lá a fim de realizar todo o trabalho de pesquisa do livro, porém o crime que Maddie se propõe a escrever é diferente dos outros crimes que ela narrou. Uma das vítimas desta violência é sua mãe, que tinha apenas 24 anos quando foi morta ao lado do namorado, dono do bar onde ela trabalhava, sendo que quem os matou e depois cometeu suicídio foi a esposa deste homem. Maddie está decidida a passar por cima de toda a carga emocional desta pesquisa e com uma armadura durona, se muda para Trully. O que Maddie não esperava era se envolver com o filho do homem pelo qual sua mãe se apaixonou e em função desta paixão, foi morta. 

Não, não acaba: qual livro dela você queria uma continuação? Foi o Maluca Por Você. O livro nos traz a Lily, uma mulher de 38 anos, divorciada, bem-sucedida na profissão e com um filho fofo, o Pip. Porém Lily nem sempre foi assim, já foi uma mulher inconsequente e chegou ao limite de entrar com o carro dentro do escritório do ex-marido para mostrar para ele que não estava de brincadeira. Lily é conhecida na pequena cidade de Lovett, Texas como uma maluca e por mais que hoje tenha uma vida respeitável, ainda acredita que todos ao seu redor acham que ela é  irresponsável. Um jovem policial se muda para a casa ao lado de Lily, o Tucker. Ele já foi soldado e esteve em locais violentos como Iraque e Afeganistão. Jovem e bonito, completamente inocente quanto ao passado de Lily, se interessa por ela e ela por ele, porém ela não quer se envolver, afinal  é mais velha, mãe e morre de medo que as pessoas voltem a falar dela como no passado. A narrativa se desenvolve com Tucker querendo um relacionamento sério com Lily e ela fugindo do que poderia ser um compromisso. Queria uma continuação para saber como o relacionamento dos dois prosperou.

Qual seu personagem favorito dela? É a Chelsea, do livro Problemas à Vista. Ela é uma ex-atriz que após várias decepções em Los Angeles com trabalhos em filmes ruins, decide ir morar com a irmã gêmea em Seattle a fim de juntar um pouco de dinheiro para realizar um sonho antigo: fazer  redução de mamas. Os seios de Chelsea são grandes e ela sente dores constantes nas costas por causa disso. Ninguém aprova sua decisão, mas é exatamente o que ela quer. Com a ajuda da irmã, Chelsea consegue um emprego temporário como assistente pessoal de Mark Bressler, jogador de Hóquei que teve que se aposentar mais cedo após um acidente de carro terrível. Pela frustração pelo que aconteceu, Mark se tornou extremamente grosseiro e cruel, afasta as pessoas ao seu redor, inclusive trata de espantar com seu mau humor todas as enfermeiras e assistentes que o seu time contratou para lhe auxiliar na recuperação. Até que enviam Chelsea e prometem um bônus alto a ela se conseguir se manter no emprego por um determinado tempo.

Qual a capa mais bonita de um livro dela publicado no Brasil? Não apenas dos livros dela, mas uma das capas mais lindas da minha estante é a do livro Simplesmente Irresistível. O livro nos traz John Kowalsky, um jogador de hóquei de sucesso esperando o início da cerimônia de casamento do dono do time que ele joga. Porém, uma moça com um desconfortável vestido rosa entra no carro dele e pede para que a leve embora dali. John já não estava muito interessado em ficar para o casamento, acha a moça muito bonita e decide ajudá-la, porém ele descobre no caminho que a linda jovem seria a noiva, ou seja, ele estava ajudando na fuga da noiva do seu patrão em pleno casamento. A jovem é a Georgeanne Howard, protagonista que te ganha nas primeiras linhas do prólogo do livro. Ela havia ficado noiva de Virgil por puro desespero, com medo de ficar sozinha, uma vez que não tinha família. Em função da dislexia, não se dava bem nos estudos, não via outra saída para o seu futuro se não se casasse logo. Virgil é mais velho, rico e sabendo que seria infeliz no casamento com um homem que não amava, Georgeanne foge momentos antes da cerimônia começar. John fica muito irritado com a confusão que Georgeanne o colocou e pressupondo que a moça é uma golpista, a deixa no aeroporto dois dias depois, tentando colocar um fim no problema. Após um intervalo de 7 anos, reencontramos John mais maduro e responsável participando de um jantar de gala para uma causa beneficente e reencontra Georgeanne, mas é rejeitado quando tenta se aproximar dela. Georgeanne não é mais a moça atrapalhada e desesperada que ele conhecera 7 anos antes e curioso sobre o motivo da garota do Texas estar em Seattle, a procura no dia seguinte ao jantar e descobre a mulher extraordinária que ela se tornou. 

Enfim, pude esmiuçar um pouquinho da obra maravilhosa desta autora. Se você nunca leu nada dela, comece agora porque sem dúvida, é uma autora que merece a atenção e o amor de todos os leitores.

Beijos

5 comentários:

  1. Amo os livros da Rachel Gibson são maravilhosos.
    Adoro os casais que ela trás, são sempre bem divertido. Amo Daisy está na cidade, é muito divertido esse livro

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Ahhh, que demais essa coluna! Tenho uns dois ou três livros da autora na minha estante, mas nunca li nada dela. Os livros parecem ser ótimos, tenho curiosidade.

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Adorei demais essa coluna que é criativa e que nos faz conhecer novos autores! Acredita que nunca li nada da Rachel Gibson? Pois é, e nem posso dar desculpas pois é de um gênero que amo! Suas palavras me convenceram, e com certeza quero tentar pelo menos um livro dela esse ano! Ótima postagem!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Ivi!!!
    Nossa faz tanto tempo que ouço falar dessa autora que estou muito surpresa em ver algo dela de novo, pois realmente eu ouvi falar da mesma muito tempo, muito tempo atrás mesmo.
    Adorei rever a autora e ver que ela faz parte da sua estante.

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir