Amigo Imaginário (Stephen Chbosky)

domingo, 28 de novembro de 2021

Ficha Técnica:
Nome Original: Imaginary Friend
Autora: Stephen Chbosky
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: 
Número de Páginas: 770
Ano de Lançamento: 2020
ISBN13: 9781538731338
Editora: Record

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 87º livro lido e foi Amigo Imaginário (Stephen Chbosky). Ganhei esse livro no natal de 2020 e o guardei carinhosamente para ler na maratona de terror e horror. Por ele ser um livro maior – 770 páginas – o deixei por último e acho que foi um acerto porque adianto que encerrei a maratona com chave de ouro. 

O livro começa com uma fuga. Kate Reese e o filho Christopher estão em busca de um lugar para viver uma nova vida, longe do relacionamento abusivo em que estavam. Por isso, eles saem do meio da noite rumo à Mill Grove, na Pensilvânia, cidade distante de tudo. Portanto, parece ser o melhor lugar que eles poderiam encontrar para retomar a vida, mas Christopher desaparece por seis dias. Conforme os dias se passam e a polícia faz as buscas, Kate se desespera, pois não há rastros do paradeiro do garoto. Mais estranho ainda é quando Christopher reaparece em um bosque, nos limites da cidade. Apesar de ileso fisicamente, ele não volta “sozinho”. Dentro de sua cabeça, há outra voz, mas não é só isso. O garoto agora tem uma missão que não pode falhar: construir uma casa da árvore no bosque da Mission Street, antes do Natal. Se não cumprir essa missão que apenas ele pode fazê-la, sua mãe e os moradores de Mill Groove poderão morrer.


O início do livro é a apresentação dos personagens, as razões da fuga de Kate, a relação dela com o filho e as dificuldades dele na escola. Enquanto constrói a narrativa para chegar ao mote do livro, o autor usa outras tramas, como a escola de Christopher, bullying e os problemas financeiros da mãe dele. 

Ao longo da história, o autor nos apresenta diversos personagens, com histórias diferentes, traumas, problemas, virtudes. Ele disseca o psicológico deles, nos dando uma visão ampla sobre a essência do ser humano nas variadas situações do dia a dia. Eu poderia até considerar isso uma trama paralela por parte do autor, já que essas questões envolvendo cada personagem têm relação com toda a história do livro. Ao longo da narrativa, isso influencia as atitudes de cada um, a vida de Christopher e sua missão.


Certamente, poderia destacar os personagens principais Kate e Christopher, mas também Jerry, ex-namorado de Kate, de quem ela foge no começo do livro, os amigos de Christopher, que fogem do padrão do contexto da história, assim como o próprio Christopher. São personagens ricos, que nos presenteiam com bons diálogos, influenciam na história e fazem com que ela se desenvolva. Principalmente Kate, que demonstra garra e força que só uma mãe poderia ter, o que é o mais incrível.

O livro tem cenas aterrorizantes e muito bem desenvolvidas. Como o autor é roteirista, todas as cenas são descritivas, mas não ao ponto de serem chatas e sim “assistíveis”. Você consegue saber a expressão do personagem, o ritmo de sua respiração e o nível de medo em que ele se encontra, tudo isso de forma orgânica.


Temos uma história que aborda amizade, superação, garra, além de quebrar barreiras e desconstruir ideias que apesar de serem tradicionais, são maléficas.

Eu adorei!!!


Um pouco sobre o autor:
Stephen Chbosky é um romancista, roteirista e diretor americano. Seus livros publicados no Brasil são:
  • As Vantagens de Ser Invisível
  • Amigo Imaginário
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ivi Campos

45 anos. De todas as coisas que ela é, ser a mãe do André é a que mais a faz feliz. Funcionária Pública e Escritora. Apaixonada por música latina e obcecada por Ricky Martin, Tommy Torres, Pablo Alboran e Maluma! Bookaholic sem esperanças de cura, blogueira por opção e gremista porque nasceu para ser IMORTAL! Alguém que procura concretizar nas palavras o abstrato do coração.




.

Colunistas

sq-sample3
Kesy
sq-sample3
Kelly
sq-sample3
Laís

Facebook

Instagram

Resenhas

Filmes

Meus Livros

Músicas

Youtube


Arquivos

Twitter

Filmes

Mais lidos

Link-me

Meu amor pelos livros
Todas as postagens e fotos são feitas para uso do Meu amor por livros. Quando for postado alguma informação ou foto que não é de autoria do blog, será sinalizado com os devidos créditos. Não faça nenhuma cópia, porque isso é crime federal.
Tecnologia do Blogger.