25.12.20

Se Não Fosse Você (Colleen Hoover)

Ficha Técnica:
Nome Original: Regretting You
Autora: Colleen Hoover
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: Carolina Simmer
Número de Páginas: 400
Ano de Lançamento: 2020
ISBN-13: 978-85-01-11957-5
Editora: Galera Record

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 107º livro lido em 2020 e foi Se Não Fosse Você (Colleen Hoover). Eu quase acreditei que passaria o ano sem ler nada da autora, que eu admiro muito, mas aos 45 do segundo tempo, este livro conseguiu entrar na lista de leitura e eu o li durante uma viagem.

O livro nos traz a Morgan, uma mulher que engravidou aos 16 anos e ao lado de Chris, o pai da sua filha, formaram uma linda família. Morgan abriu mão de uma série de coisas para se dedicar a vida de Clara e à família que formou com o seu pai e embora ela não seja ressentida por essas abdicações, ela tem consciência que sua vida poderia ter sido diferente se suas escolhas não tivessem tido consequências tão definitivas em sua vida. 

O livro é aberto 17 anos antes, quando Morgan e Chris descobrem que terão uma criança. Nessa época, Chris tinha um melhor amigo, o Jonah que acabou namorando Jenny, irmã de Morgan e por isso eles viviam sempre juntos. Quando a história avança, descobrimos que Jonah e Jenny estão noivos e já tem um filhinho e em breve formarão uma família também. Porém algo sério acontece, interrompendo histórias e revelando segredos.

Morgan tenta de todas as maneiras encarar a situação de forma adulta e pensar sempre em frente, tentando perdoar tudo aquilo que poderia tirar a paz de sua vida. Já a filha Clara, após um grande mal entendido, passa a ter um comportamento rebelde, se distanciando de Morgan no momento em que elas mais precisam se apoiar e estarem unidas.

Eu ouvi muita gente falando que este era o melhor livro da autora e que ele era perfeito, porém minha experiência com ele não foi tão positiva assim. Eu gostei da história e gostei do seu desenvolvimento, mas ele está bem longe de ser um dos melhores da autora. Demorei umas boas 100 páginas para me envolver com a trama e me importar com os personagens e nessa parte do livro, coisas sérias já haviam acontecido. Outro ponto negativo foi a personagem da Clara que me irritou em 95% da trama. Ela foi desenvolvida de forma a retratar toda o egoísmo e irresponsabilidade de um adolescente comum, mas isso só me irritou de forma que eu a odiei durante grande parte do tempo. Chata, medíocre, inconsequente e limitada, ela foi uma das personagens que mais odiei conhecer. Já Morgan era tão boazinha e centrada que passou longe de retratar uma mulher comum e isso me afastou da narrativa também.

O livro está sendo divulgado como uma trama que envolve o amor de mãe e filha, mas o que encontrei foi um instalove adolescente e um romance adulto cheio de desencontros e decisões erradas.

A escrita da autora, que sempre me viciou e envolveu em suas histórias, desta vez só me irritou e por isso minha experiência não foi tão boa assim.

De qualquer forma, ainda é um livro superior a muitos outros do gênero que estão nas prateleiras da vida, mas confesso que eu esperava um pouco mais.


Um pouco sobre a autora: Um pouco sobre a autora: Colleen Hoover é uma escritora norte-americana que começou a escrever romances de forma independente e atingiu números de vendas impressionantes. No Brasil, seus livros publicados são:

MÉTRICA
PAUSA
ESTA GAROTA
UM CASO PERDIDO
SEM ESPERANÇA
EM BUSCA DE CINDERELA
O LADO FEIO DO AMOR
TALVEZ UM DIA
NOVEMBRO 9
NUNCA JAMAIS
NUNCA JAMAIS PARTE 2
CONFESSE
É ASSIM QUE ACABA
TARDE DEMAIS
AS MIL PARTES DO MEU CORAÇÃO
VERITY
SE NÃO FOSSE VOCÊ
TALVEZ AGORA

Um comentário:

  1. Olá,
    Contra todas as probabilidades, eu não tive boas experiências com a escrita da autora, e por isso sempre tenho um pé atrás com os livros ainda não lidos. Gostei de ler sua resenha, e provavelmente me irritaria um pouco também. Personagens irritantes me tiram do eixo na leitura.

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir