22.11.17

A Casa do Lago (Kate Morton)

Ficha Técnica:
Título Original: The Lake House
Autora: Kate Morton
Tradução: Rachel Agavino
País de Origem: Inglaterra
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 464
Ano de Publicação: 2017
ISBN-13: 9788580417272
SKOOB | GOODREADS

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 76º livro lido em 2017 e foi A Casa do Lago (Kate Morton). Fiquei muito curiosa com o livro depois de assistir no youtube duas resenhas elogiosas e empolgadas sobre o enredo e minha expectativa estava nas alturas ao começar esta leitura.
O livro nos traz uma trama dividida em dois momentos, em que o primeiro se construirá em cima do misterioso desaparecimento de um bebê, filho caçula da família Edevane, ocorrido em 1933. Boa parte dessa história nos é mostrada através da filha do meio do casal Edevane, Alice, uma jovem com a imaginação fértil que dedicava seu tempo a criar histórias. O segundo momento do livro se dá setenta anos depois, quando uma detetive chamada Sadie, se depara com este caso, arquivado sem solução. A partir disso, a autora administra os acontecimentos do passado com as investigações do presente, em um enigma confuso em que a cada momento peças se encaixam e desencaixam.

A Casa do Lago é o típico livro que não agradará a todos. Ou vão amar e indicar com louvor, ou vão se cansar da leitura e tecer críticas negativas quanto à obra. Não há meio termo. E infelizmente no meu caso, a segunda opção venceu.

O livro tem uma narrativa inteligente, com palavras que agregam ao nosso vocabulário e o mistério em si, aguça a nossa curiosidade, porém as descrições e os diálogos internos dos personagens são tão extensos que em dado momento da leitura, eu me peguei bocejando cinco vezes na mesma página. Este foi um livro em que a leitura se arrastou e mesmo eu me dedicando a ela, não sentia o passar das páginas. Durante grande parte do enredo, acreditei que os detalhes e as divagações dos personagens poderiam me levar para a solução do suspense, mas, ao mesmo tempo, achava desnecessário. O suspense é bem elaborado e conta com um minucioso processo de criação de personagens, o que eu sempre valorizo dentro de uma narrativa, mas todo esse desenvolvimento acabou por ser bem cansativo para mim.

Um ponto positivo da história é essa alternância entre o tempo passado e os dias contemporâneos, muito bem-feito dentro do livro. Esse vai e vem pode nos render uma boa viagem entre os diferentes costumes sociais que caracterizaram cada momento. Mas isso não foi capaz de me prender ou de me empolgar com a investigação.

Todos os personagens são bem desenvolvidos, o que permitiu que eu conhecesse cada um deles e tentasse os encaixar dentro do cenário que o mistério nos dá. A autora cria seu labirinto de suspenses em torno do mistério principal. Todos os pontos de vista são levados em consideração e várias teorias de solução nos são apresentadas no decorrer da leitura. Mas isso se dá de forma cansativa e ao final do livro, eu não estava mais me importando com a solução e achei a conclusão um pouco dramática.

Eu não sou uma leitura assídua de thrillers e grandes suspenses, mas questiono se esse livro agradaria este público específico. Por isso, mesmo que você faça parte desta parcela de leitores que gostam de investigações, não sei se este livro supriria a sua necessidade de mistério. Mas os leitores que apreciam uma narrativa com segredos familiares, dramas e amores mal resolvidos, talvez o livro venha se tornar uma ótima pedida.

Eu esperava muito, e acabei frustrada. Não gostei.


Um Pouco Sobre a Autora: Kate Morton cres­ceu nas mon­ta­nhas do Sudo­este de Que­ens­land, na Aus­trá­lia. Depois de con­cluir o ensino secun­dá­rio licenciou-​se em Artes Dra­má­ti­cas em Lon­dres, no Reino Unido. Se até então achava que o seu futuro seria no tea­tro, rapi­da­mente des­co­briu que a sua pai­xão eram as pala­vras. Mais recen­te­mente licenciou-​se em Lite­ra­tura Inglesa. Alguns dos seus livros publicados no Brasil são:
A Casa Do Lago
A Guardiã Dos Segredos do Amor

Amores Secretos

15 comentários:

  1. Oi Ivi.... estou com esse livro aqui para ler em parceria com a editora mas confesso que depois de ler a tua resenha dei uma desanimada, pois livros que alternam tempo e espaço geralmente não fazem o meu tipo. :(
    se é o tipo de livro que vc ama ou odeia, é provável que eu vá odiar, de toda forma, eu vou encarar, né? Se tu acabastes frustrada, não é um bom sinal. Obrigada por avisar.
    Um abraço da Equipe Amores e Livros

    ResponderExcluir
  2. Fiquei curiosa quando a trama, tem tudo para ser boa e mesmo assim pode não agradar. Confesso que descrições e diálogos desnecessários
    não me agradam muito, mesmo amando suspense. Não sei se me arriscaria. Gostei muito da sinceridade na resenha.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ivi

    Que pena que você acabou entrando para o time dos que não gostou. Eu falei exatamente a mesma coisa na minha resenha, que ou as pessoas amam ou odeiam essa história. Eu amei, é uma leitura lenta, levei mais de vinte dias, mas foi uma leitura que me agradou bastante. :)

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  4. poxa, uma pena a história não ter te agradado no fim das contas... narrativas confusas e lentas costumam me desagradar tbm... mas pela capa achei se tratar de um romance ou algo assim, nunca saberia sem ler a respeito hahaha
    não conhecia a autora...
    bjs...

    ResponderExcluir
  5. Heiii, tudo bem?
    Amoo livros de suspense e ja estava bem interessada no livro, primeiro por causa da capa e segundo pq me falaram que o livro vai me surpreender o final.
    Uma pena que o livro seja tao grande a ponto de ser cansativo, as vezes acontece mesmo.
    Mas ainda tenho vontade de ler, ainda mais essa alternancia entre passado e presente, que eu gosto pra entender a historia.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o título, mas parece ser uma obra bem interessante. Dica anotada!

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, ivi, que pena que o livro te frustrou. Confesso que desde que ele foi lançado eu sinto vontade de ler, mas também me sinto um pouco receosa, pois eu nunca li nada da autora. Mas, mediante ao que você apresentou sobre ser um livro pra quem gosta de segredos familiares e amores mal resolvidos, eu arriscaria a leitura, pois curto esse tipo de história.

    ResponderExcluir
  8. Oi Ivi, tudo bem?
    Eu ainda não li esse livro, mas tenho uma certa curiosidade por todos os elogios que ouvi.
    Achei uma pena você ter se decepcionado com a leitura. Acho que quando estamos com muitas expectativas para um livro, a chance de nos decepcionarmos é grande.
    Gostei da sua sinceridade da resenha, mas ainda pretendo ler o livro. Como eu não sou muito de ler thrillers, talvez essa questão do livro ter tantos segredos familiares e dramas não me incomode. Espero fazer parte do grupo dos que amaram a obra haha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Já tinha visto esse livro por aí, mas como disse é 8 ou 80 as resenhas rsrsrs
    Sinceramente mesmo amando thrillers achoq ue não iria gostar por causa dos diálogos imensos

    ResponderExcluir
  10. Olá Ivi,
    Ainda não li esse livro, mas enho vontade de fazer a leitura, pois gosto da premissa dele. Entendo o que te agradou e o que te desagradou. Acho que como um thriller ele não deve funcionar bem, mas é um livro que deve ser degustado. Quem sabe eu não possa gostar?
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Oi Ivi,
    li muitas críticas positivas a esse livro e estava cultivando dentro de mim certo interesse pela história, mas ainda não tinha certeza se arriscaria a leitura. Admito que agora não sei bem se o leria, talvez se a oportunidade surgir eu dê uma chance, caso contrário correrei em busca de um exemplar. Adorei a resenha, seus pontos foram muito bem colocados.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  12. Oie amore,

    Esse livro já está em minha lista de desejos, amo essa capa.
    Quanto livro esse ano hein.
    Adorei a maneira que desenvolveu sua resenha.
    Fiquei ainda mais curiosa pra ler o livro.

    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá! Uma pensa você não ter gostado da obra. Pela sua opinião talvez eu não deva fazer essa leitura. Não gosto de livros arrastados. E mesmo amando essa alternância de tempo talvez eu deixe passar.
    beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi Ivi!

    Que pena que você não gostou do livro, pela sinopse vi que ele tinha tudo para dar certo. Assim como você, não sou muito assídua desse gênero, vez ou outra leio algo do tipo, mas não é algo que realmente faça parte da minha vida literária. Por essa e outras razões irei passar a dica, mas gostei muito da sua resenha sincera. Parabéns!

    Ingrid Cristina
    Blog Catarse Literária

    ResponderExcluir
  15. Olá!!

    Não conhecia o livro e depois da sua resenha meu desejo real é passar bem longe dele. Não sou fã de livros investigativos, acho muito cansativo e não me prende a atenção como deveria, então a leitura não funcionaria para mim de jeito maneira. Agradeço pela sua sinceridade, pois ela vai me poupar de uma perda de tempo tremenda..

    Beijos

    ResponderExcluir