19.6.20

Sessão da meia-noite com Rayne e Delilah (Jeff Zentner)

Ficha Técnica:
Nome Original: Rayne & Delilah's Midnite Matinee
Autor: Jeff Zentner
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: Guilherme Miranda
Número de Páginas: 408
Ano de Lançamento: 2019
9788555340932
Editora: Seguinte

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 42º livro lido em 2020 e foi Sessão da meia-noite com Rayne e Delilah (Jeff Zentner). Li dois livros do autor em 2019 e os dois se tornaram favoritos da vida, então a expectativa era muito alta para a leitura do último livro dele lançado no Brasil. Já adianto que todas as expectativas foram alcançadas com louvor e que esse homem pode levar todo o meu dinheiro porque sou assumidamente fã dele!!!

O livro nos traz duas jovens prestes a terminar o ensino médio, Josie e Delia. As duas são amigas desde a infância e juntas apresentam um programa no canal de TV regional que traz os filmes de terror mais bizarros do mundo. Todas as semanas elas interpretam duas irmãs, Rayne e Delilah e embora o programa dê mais prejuízo que lucro, é uma grande diversão para as duas.


Delia sempre teve um objetivo maior com o programa. Ela não queria fazer um sucesso estrondoso ou ser contratada por uma grande rede de televisão, mas sempre que se dedicava a produzí-lo, imaginava que seu pai pudesse encontrá-la, onde quer que estivesse. No passado, antes dele abandonar Delia e sua mãe, os dois compartilhavam o amor por filmes de terror de qualidade duvidosa. Ela e mãe não tem um relacionamento maravilhoso porque a partida do pai deixou sequelas fortes. A situação financeira não permite que Delia sonhe com a faculdade e ela imagina muitas vezes que seu pai voltaria se soubesse como elas estão.

Já Josie tem mais ambições na esfera do entretenimento. Sua família inclusive conseguiu um excelente estágio para ela dar os primeiros passos em algo mais seguro dentro da televisão. Apesar de saber que o programa local não continuará se aceitar este estágio, Josie precisa focar em seu futuro.

Após uma troca de e-mails, o produtor Jack Divine aceita conversar com elas em uma convenção de filmes de terror que acontecerá em Orlando e as duas decidem ir, cheias de esperança em um investimento ou até um novo contrato. Josie está focada nesse objetivo, mas Delia quer ir para Flórida porque descobriu que seu pai mora perto do local em que será a convenção e ambas partem para lá com o namorado de Josie.


O livro é um misto de sentimentos grandiosos. A narrativa do autor nos apresenta duas amigas que se amam muito, mas possuem objetivos e realidade de vidas diferentes e precisam se esforçar muito para que a amizade não sofra com as mudanças que a vida impõe. Isso é tratado com muita sensibilidade, conseguimos entender os dois lados desta relação, a motivação de cada uma e torcer pelas duas de igual modo.

Como nos outros livros do autor, o final me rendeu um rosto molhado de lágrimas. Um trecho me deixou muito emocionada pela naturalidade e verossimilhança. A realidade nos é apresentada de forma simples, leve, mas cheia de significados e as duas personagens sofrem com suas escolhas e mesmo muito tristes, conseguem entender que tudo pode ser simplesmente uma fase.

A relação familiar tanto de Delia quanto de Josie é desenvolvida de forma muito natural. A configuração é diferente entre elas, mas, ainda assim, percebemos o amadurecimento das duas diante da família e isso me comoveu ainda mais do que a relação de amizade das duas garotas. 


Enfim, a leitura me trouxe reflexão, diversão com as conversas entre as duas amigas e um final digno de uma amizade que poucas pessoas conseguem ter na vida real. 

Amei!!!


Um pouco sobre o autor: Jeff Zentner começou escrevendo músicas. Cantor e guitarrista, já gravou com Iggy Pop, Nick Cave e Debbie Harry. Passou a se interessar pela literatura jovem adulta depois de trabalhar como voluntário em acampamentos de rock no Tennessee. Morou no Brasil por dois anos, na região da Amazônia, e hoje vive em Nashville com a esposa e o filho. Seus livros publicados no Brasil são:
    • Dias de Despedida
    • Juntos Somos Eternos
    • Sessão da Meia-Noite Com Rayne e Delilah

6 comentários:

  1. "esse homem pode levar todo o meu dinheiro porque sou assumidamente fã dele!!!" AHAHAH Adorei!

    Oi Ivi, tudo bem?

    Eu achei a capa do livro LINDA e fiquei super interessado na história! Não sei se as personagens falam muito sobre os bastidores da produção do programa, mas, se eu fosse ler, adoraria que tivesse, curso jornalismo e adoro os bastidores de TV, ler isso num livro de ficção séria ÓTIMO!

    Amei as resenhas e as fotos, beijos!
    http://marcasliterarias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ivi!
    As sinopses dos livros desse autor sempre me chamam a atenção, além das capas que sempre são lindíssimas. Esse é mais um do caso que, quando lançou, eu fiquei muito interessada. No entanto, ainda não consegui ler nada dele.
    No meu aniversário desse ano eu ganhei Dias de Despedida e quero tentar ler o quanto antes.
    Eu já estava interessada nesse livro, mas a sua resenha só me deixou com mais vontade de ler.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com/2020/06/resenha-para-sempre-alice.html

    ResponderExcluir
  3. Eu amo histórias sobre amizade, sobre pessoas que se gostam tanto e mantém as relações de afeto mesmo com as mudanças da vida. Mas sua resenha me provocou um aperto no coração pela situação da Delia, a falta que ela sente do pai, a esperança de revê-lo, de tê-lo em sua vida de novo. Isso me emocionou e fiquei triste por ela.

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? É sempre bom quando um livro atinge as expectativas esperadas né. Eu nunca li nada do autor, mas sempre ouvir falar do mesmo desde que veio na FLIPOP e era carisma puro! Fiquei curiosa sobre o enredo verossímil e que traz algo bem próximo da nossa realidade. Dica mais que anotada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Ivi!
    Não conhecia esse livro, mas me chamou a atenção o título, será que tem alguma cosa relacionada com a história?
    Estou curiosa com essa trama das duas amigas, e sobre o pai que aparentemente desapareceu. Obrigado pela dica, parabéns pela resenha, bjs!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia a obra, mas de saber que ela traz assuntos relacionados a amizade e com pontos de reflexão, me deixou bem curioso. Anotei a dica para ler em breve.

    ResponderExcluir