Perdi Uma Parte de Mim e Renasci (Paola Antonini)

quarta-feira, 21 de setembro de 2022

Ficha Técnica:

Nome Original: Perdi uma parte de mim e renasci
Autora: Paola Antonini
País de Origem: Brasil
Número de Páginas: 198
Ano de Lançamento: 2021
ISBN: 978-65-5567-035-6
Editora: Globo Livros

Hoje é meu aniversário e vou comentar sobre o livro de uma pessoa que admiro muito. 
Comecei a seguir Paola Antonini via Instagram em 2018 por um comentário da autora Sofia Silva, que a achava parecida com sua personagem Emília, do livro “Corações Quebrados”.  A partir daí, passei a acompanhar sua trajetória, admirando sua leveza e estilo ao combinar as roupas com a perna “brilhante”. Quando soube que publicaria um livro, fiquei bem curiosa para conhecer os detalhes de sua história.

O livro é narrado por ela, que já na introdução comenta sobre o atropelamento na porta de sua casa, no momento em que colocava objetos no carro para uma viagem para Búzios com o namorado. O atropelamento esmagou sua perna e Paola teve que amputá-la em dezembro de 2014.

Antes de detalhar o acidente, Paola conta sobre os dois irmãos mais novos, sobre valorizar as coisas simples da vida e a alegria ao participar da revista Capricho, bem conhecida pelos adolescentes na época.

Há depoimentos de seus pais em dois momentos do livro. A reação de Paola ao saber sobre a amputação me surpreendeu, os momentos de reabilitação, momentos de dor pelo corpo e dificuldades com a prótese também são relatados detalhadamente, assim como a felicidade em perceber que pessoas amputadas podiam fazer tudo o que quisessem, com algumas adaptações.

Arthur, seu namorado na época do acidente é citado em um capítulo bem bonito, em que valorizei o fato de que ele foi o único que continuou a tratá-la normalmente, simplesmente a apoiava e ajudava em situações específicas, tudo o que ela precisava naquele momento.

O protesista Fabricio também participa do livro e indica a postura realista e positiva de Paola, demonstrando o quanto foi importante a ideia dela da perna “brilhante” (com glitter) no sentido de exibi-la e mostrar para as pessoas a normalidade disso, em várias fotos de momentos cotidianos: em casa, na praia e em viagens em sua página no Instagram. 

Há várias fotos no livro, desde sua infância, com sua família, amigos e Arthur, além de fotos de momentos importantes e especiais para ela, como praticando esportes após a amputação, como surf, esqui, mergulho e caiaque. Não é citado no livro, mas Paola namorou o atleta de canoagem Pedro Gonçalves em determinado período.

Achei importante ela se mostrar forte e positiva em determinadas situações, mas também vulnerável em vários outros aspectos, destacando inclusive quando foi ajudada por um desconhecido, pois enfrenta o medo de voar até hoje, mas não deixa de fazer nenhuma viagem por isso.  Me identifiquei bastante nessa parte e também quando ela afirma que algumas tarefas simples se tornam difíceis, porém, a vontade de superá-las e alcançar os objetivos é maior.

O Instituto Paola Antonini fundado em 2020 também é citado, algumas crianças até aparecem no livro e a renda do livro será doada ao Instituto, que proporciona reabilitação para pessoas com deficiência física.

O livro demonstra momentos tristes e alegres, trata de amor, apoio e superação, força e fraquezas, a vida real de qualquer pessoa. A importância da família e amigos é destacada, mas é importante perceber que você é sua própria base em tudo. 

Se quiserem conhecê-la ou acompanhá-la, seu Instagram é https://www.instagram.com/paola_antonini/

Se já a admirava antes, a admiro ainda mais após a leitura do livro, gostei muito! 


Sobre a autora:
 Após ser atropelada na porta de casa, aos vinte anos, e ter a perna amputada, a modelo e apresentadora Paola Antonini passou a ser uma voz ativa ao mostrar seu dia a dia nas redes sociais e conquistou milhões de seguidores. Em dezembro de 2020, fundou o Instituto Paola Antonini, que atua proporcionando a reabilitação de pessoas com deficiência física por meio de doação de próteses, órteses, cadeiras de rodas, acessórios e também oferece assistência psicológica e fisioterapia aos pacientes.

Perdi uma parte de mim e renasci é o seu único livro publicado até o momento.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ivi Campos

46 anos. De todas as coisas que ela é, ser a mãe do André é a que mais a faz feliz. Funcionária Pública e Escritora. Apaixonada por música latina e obcecada por Ricky Martin, Tommy Torres, Pablo Alboran e Maluma! Bookaholic sem esperanças de cura, blogueira por opção e gremista porque nasceu para ser IMORTAL! Alguém que procura concretizar nas palavras o abstrato do coração.




.

Colunistas

sq-sample3
Kesy
sq-sample3
Kelly
sq-sample3
Laís

Facebook

Instagram

Resenhas

Filmes

Meus Livros

Músicas

Youtube


Arquivos

Twitter

Filmes

Mais lidos

Link-me

Meu amor pelos livros
Todas as postagens e fotos são feitas para uso do Meu amor por livros. Quando for postado alguma informação ou foto que não é de autoria do blog, será sinalizado com os devidos créditos. Não faça nenhuma cópia, porque isso é crime federal.
Tecnologia do Blogger.