6.9.21

Viagem #39 - Natal - Parte 1 - Kesyane Campos

Olá, depois de algum tempo, estou de volta para escrever brevemente sobre minha experiencia apaixonante em Natal, a Cidade do Sol.

Essa viagem estava programada para agosto de 2020, mas por motivos de pandemia tivemos que adiar brevemente a viagem, então na última semana de Julho de 2021, enfim conseguimos viajar, estava tudo pago então as férias seriam para aproveitar bem todos os passeios. Passei alguns dias planejando cada dia da viagem, que durou 7 dias e agora vou contar um pouco dela por aqui.

Viajamos dia 26/07 as 5h50 da manhã saindo de Curitiba (eu moro no interior do interior do Paraná), já havia viajado até Curitiba e pegamos um hotel próximo ao aeroporto, fizemos conexão em Brasilia, e chegamos em Natal 12h05.





Ao chegarmos, nosso carro alugado pela Unidas não estava pronto, não sabemos o que houve com o nosso processo na Unidas mas sabemos que ficamos quase 2 horas lá, todos que chegam pegam seu carro e saiam, mas nós ainda estávamos lá. Com essa espera dramática a Unidas nos fez um oferta, pegar um carro melhor pagando mais alguns reais, eles nos ofereceram um carro automático e sendo uma SUV, um carro bem confortável, que fez da nossa viagem algo melhor apesar de toda espera valeu a pena.

Ficamos hospedados em Parnamirim, que fica a 20 minutos da praia de Praia de Ponta Negra, o Hotel e bem bacana amplo e bem arejado o que é ótimo em Natal. Ficamos no hotel para descansar e após fomos conhecer o bairro ali perto e nos alimentar. 

Em nosso primeiro dia de passeio, por conta da chuva, fomos ao Centro de Turismo, lugar onde existem 38 lojinhas de artesanato onde aproveitamos para compras muitas coisas, nesse lugar toda quinta-feira existe o forró com o turista, porém por causa da pandemia não esta funcionando, ao chegar no Centro de Turismo, a chuva dissipou e o céu azul apareceu de forma sublime mostrando toda a beleza de Natal.







Após esse passeio, fomos a Praia dos Artistas, que onde fica o Centro Municipal de Artesanato, onde almoçamos, lugar gostoso para comprar, após o almoço fomos ao Maior Cajueiro do Mundo, um lugar bem gostoso onde também tem muito artesanato local.

Praia dos Artistas

Maior Cajueiro do Mundo

Maior Cajueiro do Mundo

A Noite fomos jantar no Taverna Pub, lugar temático com piratas em um castelo, onde servem vários tipos de pratos com preços de $$ variados, lá se paga o Courvert para a entrada no local, e pedi um salmão com castanhas e massa conchiglione recheada, drinks e chopp de vinho que estavam uma delícia. Porém tem que saber que ai ir lá você gastará um valor razoavelmente alto, mas vale a pena para sair da rotina e comer algo diferente, ou quem sabe um bela reunião com amigos no happy hour.



Taverna Pub

Taverna Pub

Em nosso segundo dia de passeio, compramos um passeio a Parrachos de Maracajaú, passeio que custa em media 120,00 a 130,00 reais por pessoa, o passeio inclui transfer e mergulho com snorkel de mergulho, lá tem uma estrutura com banheiros e lugar para almoço. Porem achei o passeio muto rápido, e não puder aproveitar muito, pois o passeio e em alto mar e o local dos Parrachos varia em media de 3 a 4 metros de altura, ou seja, quem não sabe nadar apesar de estar com equipamentos de segurança, não aproveita muito. Mas valeu a experiência, em uma próxima vez escolhemos outro local para mergulho e tudo certo. Nesse passeio podemos incluir vários outros, por exemplo seabob que seri como um jetski mas embaixo da água, outro passeio seria o mergulho de cilindro, esses dois passeios custam mais 120,00 por pessoa. A empresa que contratei e a Parrachos Praia Clube, fui muito bem atendida, e não precisei enfrentar fila, pois minha compra foi realizada via internet, o que facilita muito, pois aproveitamos mais o local, essa e uma dica importante, pesquise bem esses passeios e deixe tudo agendado, evita surpresas desagradáveis.

Parrachos Praia Clube

Por hoje seria isso, no proximo post, falaremos de Pipa e sua noite badalada e suas piscinas naturais!!




Um comentário:

  1. Oi, tudo bem? Ah, a família da minha mãe mora em Natal e em Fortaleza então já fui várias vezes visitá-los. Amo o sol quente daquela região, bem diferente daqui do sul. Amei as fotos. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir