17

Noite em Claro (Martha Medeiros)

FICHA TÉCNICA
Nome original: Noite em Claro
Autora: Martha Medeiros
País de origem: Brasil
Número de páginas: 64
Ano de Lançamento:
ISBN-13: 9788525426680
Editora: L&PM

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 14º livro lido em 2016 e foi NOITE EM CLARO (Martha Medeiros). Eu fiquei tão empolgada e satisfeita com o último livro de crônicas da Marthas, que quis emendar mais um livro dela e o escolhido foi este aqui, que estava na minha estante já tinha um tempo.

O livro nos traz uma mulher em uma noite de chuva forte, degustando de uma taça de champanhe e disposta a escrever um livro enquanto a chuva estiver caindo. Ela está sozinha no apartamento, melancólica e intensa, ela divaga sobre sua vida e suas escolhas, relembra o auge da sua juventude e o relaciona com o seu presente. Fala dos seus relacionamentos e de como a vida dela tomou rumos inesperados.

O livro é intenso, emocionalmente falando. A personagem se fosse descrita pelos olhos de um desavisado, seria considerada até feliz: ela é uma entrevistadora de um popular programa na TV a cabo e casada com um homem que a ama muito, mas intimamente, a personagem nos apresenta a crueza de sua vida e lentamente percebemos o quanto ela é infeliz.

O livro tem um toque de mistério, mas nada de suspense ou algo investigativo. Tem uma narrativa enxuta e direta e algumas cenas relembradas pela personagem se tornam eróticas e quentes, mas com certeza, é a parte reflexiva do texto que mais me chamou a atenção.

Já li romances da autora, totalmente ficção, mas meu contato maior com o seu trabalho se dá através das crônicas e estas são cheias de realidade, dia a dia sem fantasias e, ao ler este livro, curto, sintético, sem se perder de si mesmo, vemos uma história real, humana, forte e muito tocante, ainda que ficcional.

Em apenas 64 páginas a autora nos apresenta um universo, uma vida, a caracteriza e a desenvolve muito bem. A conclusão é triste, melancólica e dolorida, mas em total harmonia com todo o enredo que a autora criou e para mim, foi impossível não me sentir tocada e incomodada com a história.

Eu amei o livro. Foi uma leitura rápida, não apenas em função do livro ser muito pequeno, mas também porque a escrita da Martha se mantém fluida, viciante e totalmente envolvente. Se o livro tivesse 640 páginas, ainda assim, teria me engolido com as palavras e parágrafos tão bem escritos.
“Eu bebo todas as noites, mas não sou alcoólatra. Pra ser sincera, nunca tentei parar a fim de testar o tamanho da minha necessidade, mas nunca ouvi falar de alcoólatras que só bebem champanhe. Refinamentos não costumam ser chamados de doença.”
Recomendo para quem ainda não leu nada da autora. Mesmo um livro pequeno, dá pra se ter uma ideia clara do talento que ela possui. Para quem já conhece os textos da Martha, recomendo que conheça também esta linha adulta e madura ao compor uma história que ficará na sua cabeça e no seu coração por semanas, quem sabe, pra sempre.

Eu amei!!!


Um pouco sobre a autora: Martha Medeiros nasceu em 20 de agosto de 1961, em Porto Alegre-RS. É colunista dos jornais ZERO HORA e O GLOBO. Suas obras publicadas são:

Strip-Tease (1985) - Poesia
Meia noite e um quarto (1987) - Poesia
Persona non grata (1991) - Poesia
De Cara Lavada (1995) - Poesia
A Terra Gasta (1996) - Poesia
Poesia Reunida (1998)
Geração Bivolt (1995) - Primeiro livro de crônicas
Topless (1997) - Crônicas
Santiago do Chile (1996) - guia de viagem
Trem-Bala (1999) - Livro de crônicas, adaptado para o teatro.
Non Stop (2000) - Crônicas
Cartas Extraviadas e Outros Poemas (2000)
De Café e Cogumelos (2001) - Crônicas
Noite em Claro (2002)
Divã (2002) - Romance que deu origem a peça, ao um filme e a série de TV.
Montanha-Russa (2003) - Crônicas
Coisas da Vida (2005) - Crônicas
Esquisita como Eu (2004) - Infantil
Selma e Sinatra (2005) - Romance
Tudo que Eu Queria te Dizer (2007) - Adaptado para o teatro.
Doidas e Santas (2008) - Crônicas - Adaptado para o teatro.
Fora de Mim(2010) - Romance
Feliz por Nada (2011) - Crônicas
Comentários
17 Comentários

17 comentários:

  1. Oi Ivi

    Já ouvi falar muito bem dos livros da autora, mas não me chamou atenção esse =/ Mas o fato dele ter um toque de mistério faria com que eu desse uma chance sim. Quem sabe eu encontre um outro livro da autora que me chame atenção.


    Bjos, adoro duas resenhas


    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Ivi,
    Recentemente, comentei sua resenha do outro livro dela, Coisas da Vida.
    Tenho muita curiosidade sobre a autora e quero muito ler algo dela, mas acho que não começarei por Noite em Claro, pois senti mais firmeza em Coisas da vida.
    Achei sua resenha incrível, como sempre, parabéns.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Não sei se leria o livro, apesar de estar acostumada a ler livros com personagens meio depressivos, eu não sei se conseguiria compreender esta... Acho que eu ficaria meio indignada pela personagem ter um bom emprego e ser amada e bem tratada pelo marido, mas ainda assim se sentir infeliz. Talvez eu ainda tenha o que amadurecer ate compreender não é mesmo? Mas agradeço pela dica de leitura, toda dica é valida!

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bom?

    Ainda não li nada da Martha, por incrível que pareça. Acho até que, pelo que você relatou em sua resenha, devo começar com esse livro. Adoro quando os livros possuem suspense (de qualquer tipo) e a narrativa fluida, pois quando vemos, já estamos na última página.

    Obrigada pela dica <3

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Nossa,
    Tão curtinho e tão rico. Amo essa tipo de obra que transmite tudo em tão pouco, nesse caso foi sufiente. Nunca tive oportunidade de conhecer a escrita da autora, mas se por acaso essa oportunidade surgir farei uma chance. Gostei bastante da resenha, vou estar sempre por aqui, esperando novas indicações.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ivi! Tudo bem?
    Já ouvi muitos comentários positivos a respeito das crônicas dessa autora, mas nunca cheguei a ler nenhuma. Não tenho o hábito de ler crônicas (o que é uma vergonha para mim, pois no meu curso do faculdade, é necessário escrevermos crônicas). É pura falta de hábito mesmo, mas acho que se eu lesse, provavelmente iria gostar mais desse gênero. Gosto de histórias que trazem uma reflexão sobre a vida de uma forma dramática, então acho que eu gostaria de ler este livro. Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  7. Oi Ivi, sabe que eu nunca li nada da autora e por isso acredito que esse seria um bom livro para começar algo dela, seguindo suas dicas eu tenho certeza que iria amar. Ótima resenha e já entrou para a minha lista!

    Beijos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/luz-camera-e-acao-16.html

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não conheço a autora, não por falta de recomendação, me falam muito dela. Eu só não tinha dado devida atenção ou nada dela ainda tinha me cativado. Mas essa história, nossa eu adorei, parece meio maluco, mas eu adoro degustar melancolia em livros. Gosto de livros que nos causam um desconforto. Adorei o livro!

    Beijos,
    Mariana Baptista
    umavidaporlivro.wordpress.com

    ResponderExcluir
  9. Olá!!!
    Sempre que posso leio os textos da autora, sendo que ainda não li nenhum livro dela e suas resenhas tem me deixado extremamente curiosa e ler. Gosto de livro que nos faz refletir e pensar no dia a dia. Já anoitei este para não esquecer de ler, me emocionar e como falou ficar marcado.

    Beijos
    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  10. Oi! Tudo bem?

    Conheço a autora, mas nunca tive oportunidade de ler nada que ela escreveu. Gostei bastante da premissa de "Noite em Claro" e já vou colocar a obra em minha wishlist. Poxa vida, hein?! Transmitir tantas coisas em apenas 64 páginas não é para qualquer um. Além disso, fiquei curiosa já que você recomenda a obra para quem nunca leu nada dela.

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  11. Eu estava achando que o livro que eu tinha lido era dela, mas como você colocou a lista aqui e me ajudou vi que não era. A Marta é famosa e não sabia que ela escrevia tanta poesia e nem que trabalhava no Zero Hora, para ver como me ligo nas coisas. Mas como não sou muito fâ de crônicas ou poesias deve ser por isto.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Eu ainda não li nada da autora e fiquei super empolgada com essa história. Me pareceu forte e com uma mensagem bonita e que nos faz refletir. Vou anotar a sua indicação e espero poder ler em breve.
    Beijinhos!
    http://www.eraumavezolivro.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bom?
    Não li muitas coisas da autora, mas vira e mexe procuro alguns de suas crônicas. A escrita dela é bem gostosa. E ela faz muito sucesso. Adorei a resenha desse livro e fiquei bem curiosa para ler mais sobre a autora.

    Beijos, Rob

    ResponderExcluir
  14. Oie,
    Nunca li nada da autora, mas pelo que vi, ela é muito boa o.o Eu gosto muito de cronicas, achei a premissa dessa bem interessante, pelo jeito irei ficar querendo mais quando acabar rs Anotei já e irei procurar pra ler em breve!
    Beijos
    Bru, Cantinho da Bruna

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler nada da Martha, mas já vi muitas pessoas falando super bem dos livros dela, e eu confesso que nunca tive vontade de ler nada dela, até conferir a sua resenha. Eu gostei muito de saber que a leitura foi boa para você, e que a recomenda para quem ainda não conhece nada da autora.

    ResponderExcluir
  16. Oi,

    Ainda não conhecia a autora, achei o texto um pouco dramático, não é bem uma das minhas leituras favoritas, mas por você falar tão bem da escrita, depois vou dar uma chance para conhecer mais sobre ela.

    ResponderExcluir
  17. Uau!
    Como comentei aqui em uma resenha anterior, eu não conheço o trabalho da escritora, mas com todos seus comentários positivos, é impossível não ficar ao menos um pouco curiosa quanto a conhecer as obras da autora.

    Parabéns pela resenha e pela opinião tão positiva.

    Beijos!
    Taty Assis
    www.aculpaedosleitores.com

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014