6.11.18

Raio de Sol (Kim Holden)


Ficha Técnica:
Nome Original: Bright Side
Autora: Kim Holden
Tradução: Regiane Winarski
País de Origem: Estados Unidos
Número de Páginas: 448
Ano de Lançamento: 2015
ISBN-13: 9788542207453
Editora: Planeta

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 64º livro lido em 2018 e foi Raio de Sol (Kim Holden). Desde o lançamento do livro eu queria ler em função dos muitos elogios que as pessoas fizeram na época, mas acabou entrando para a lista de livros que eu queria ler e nunca encaixava por causa das outras leituras. Até que eu decidi conhecer a história de uma vez por todas.

O livro traz a Kate, uma jovem conhecida pelo apelido de “raio de sol” graças ao seu coração gigante e a bela amizade com Gus, seu vizinho desde a infância. Ela morava na ensolarada Califórnia e decide ir para Minnesota para cursar a faculdade em Mineápolis, deixando para trás um passado marcado por uma perda, uma família disfuncional e uma amizade incrível. Ela e Gus são cúmplices, muito unidos e mesmo à distância, conseguem participar da vida um do outro através da troca de mensagens e telefonemas. Gus é astro em uma banda de rock e Kate o apoiou também com a música.

Ao chegar no outro lado do país, ela começa a estruturar a sua vida e organizar a sua rotina. Uma das coisas que ela inclui no seu dia a dia é ir a uma cafeteria que serve um excelente café puro e forte. Lá ela conhece o Keller e um interesse mútuo surge entre eles. Porém, no momento que um possível romance pode acontecer, segredos do passado de Kate e Keller começam a despontar no enredo nos levando para uma história dramática e melancólica.

Kate é uma protagonista um pouco plana para mim. Perfeita, de bem coma vida, politicamente correta, excelente amiga e a melhor irmã que alguém poderia desejar ter. E confesso que essa perfeição me irritou um pouco porque ninguém é assim e na minha opinião faltou verossimilhança. Já Keller é delineado com mais veracidade e o enxergamos um pouco impulsivo em alguns momentos e covarde em outros, mas ele é mais relacionável com o leitor do que a Kate. Ainda assim, o casal funcionou bem para mim e foi um romance que eu me envolvi e suspirei.

O final do livro é extremamente triste. Através de um trabalho de pesquisa excelente, a autora nos conduziu por dias nublados e tensos e as páginas finais da leitura foram de muita emoção e lágrimas para mim. Fazia muito tempo que eu não lia algo que me tocasse tanto, que me massacrasse o coração e apesar de ter ficado horas com dor de cabeça por causa da leitura, foi um livro que me marcou pela intensidade.

É dramático, romântico e avassalador. Para quem gosta destes três elementos, o livro é perfeito. A história é um pouco clichê e na metade do livro você já sabe como a autora quer encerrá-la, mas ainda assim, para mim foi uma leitura muito válida e eu quero ler mais coisas da autora e ter meu coração machucado outra vez.

Eu amei!!!


Um pouco sobre a autora: Kim Holden estreou na literatura em 2013, com o romance juvenil All of it, e conquistou milhares de fãs com Raio de Sol, publicado nos EUA em 2014 sob o título Bright Side. Casada e mãe de um garoto, mora em Denver, no Estado americano de Colorado, adora andar de bicicleta e é apaixonada por café gelado e música – seus livros têm influências de bandas como The Cure, Sunset Sons e Teenage Bottlerocket. Raio de Sol é o seu primeiro livro publicado no Brasil.

10 comentários:

  1. Olá!
    Quero muito ler essa história. Já tinha visto sobre o enredo ser triste e nos deixar com o coração apertado, mas mesmo sendo clichê ainda assim acredito que vou me apaixonar por essa história.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  2. Oiii,

    No início da resenha eu achei que seria uma história bem amorzinho e já estava preparada para querer ler desesperadamente, mas agora já não sei se quero mais. Acheinsuper interesante o final ser triste, porque em geral os livros não terminam assim, mas a protagonista perfeita me incomodou bastante e só por isso eu não sei se eu leria.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  3. Oii, tudo bem?

    Confesso que lendo o título e com o começo da resenha eu esperava outra coisa. Achei o casal meio nada a ver. A mocinha ser toda perfeitinha me incomodaria bastante durante a leitura, já tive contato com livros onde as protagonistas eram assim, e em todos a leitura foi bem maçante para mim.

    Acho que o ponto positivo foi o livro não terminar como um conto de fadas, geralmente eu costumo amar alguns livros onde o final é exatamente o que a gente não espera. O autor cria uma história maravilhosa para depois destruir nossos corações.

    Fico feliz que mesmo com a protagonista meio pacata, você tenha amado o livro. Talvez eu dê uma chance em breve para essa leitura. Adorei sua resenha!!
    Obrigada pela dica!!
    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ivi.
    Já me deu uma certa agonia ao ler o que você disse sobre a Kate. Detesto personagens assim, certinhas demais! Não vejo nenhum apelo!!! Acho que eu iria ficar tão incomodada que nem iria terminar o livro...
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  5. Só de lembrar desse livro eu já me emociono. Esse foi um livro que me fez chorar horrores. Até hoje eu lembro dele com muito carinho. Antes de ler, eu já havia lido sobre ele e sobre a qualidade, mas não estava preparada para o que eu li. Amo demais!!

    ResponderExcluir
  6. Eu já ouvi muita gente falar maravilhas desse livro, tanto que arrumei um jeito de conseguir ele através de troca no Skoob, mas minha decepção foi tão grade...
    O livro não é ruim, na verdade o que me incomodou nele é o fato dele ser rotineiro demais,ele passa tanto tempo focado a rotina da mocinha que mesmo depois de ter lido metade do livro não encontrei nada de satisfatório na leitura, então acabei abandonando...
    Enfim, não foi um livro que funcionou para mim...

    ResponderExcluir
  7. Olá Ivi,
    Meu drama com esse livro é de longa data. Na época que ele foi lançado, tive a oportunidade de lê-lo mas acabei desanimado logo nas primeiras páginas e desistindo da leitura, em seguida li várias resenhas positivas exaltando inúmeras qualidades no texto e na história, foi aí que eu soube que havia me precipitado e que deveria dar uma nova chance, mas até hoje não consegui tempo hábil para ler Esse livro e agora você acabou de bater o martelo em favor dessa leitura, isso porque a descrição de como você ficou ao finalizá-la é exatamente o que eu busco quando pego um livro do tipo para ler.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Ivi lindona, já li muitos elogios a esse livro, acredito que a protagonista focou na positividade para ela encarar toda essa carga emocional, ainda estou me preparando psicologicamente para ler devido ao final emocionante. Fico feliz que gostou da leitura. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  9. Oi Ivi,
    Sou uma das que amou esse livro. Entendo o que você quer dizer com a falta de verossimilhança com relação a Kate, mas eu gostei muito disso no livro, sabe? Acho que ele me inspirou a tentar ser uma pessoa melhor. Fiquei muito contente por você ter gostado desse livro.
    Amei conhecer suas impressões, como sempre, extraordinária.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Tem a palavra: dramático e avassalador eu já quero ler. E eu nunca vi o livro, já está na minha longa lista e eu vivo furando, hoje mesmo furei fila, super normal pra mim. E eu também tenho nervoso de personagens perfeitas, não existe e não deveria existir nem nos livros. Curiosa para descobrir o que te fez chorar tanto! Beijos

    ResponderExcluir