20.4.18

Problemas à Vista (Rachel Gibson)

Ficha Técnica:
Nome Original: Nothing But Trouble
Autora: Rachel Gibson
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: Bianca Carvalho
Número de Páginas: 329
Ano de Lançamento: 2015
ISBN-13: 9788561784898
Editora: Pandorga

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 16º livro lido em 2018 e foi Problemas à Vista (Rachel Gibson). Costumo dizer que eu preciso de uma dose de Rachel Gibson por ano para poder relaxar e me divertir na leitura, e, a hora de tomar essa dose chegou mais cedo este ano com este livro aqui que eu ganhei no meu aniversário do ano passado e estava querendo ler a um tempo.

O livro nos traz a Chelsea, uma ex-atriz que após um monte de decepções em Los Angeles com trabalhos em filmes ruins, decide ir morar com a irmã gêmea em Seattle a fim de conseguir juntar um pouco de dinheiro para realizar um sonho antigo: fazer uma redução de mamas. Os seios de Chelsea são grandes e ela sente dores constantes nas costas por causa disso. Ninguém aprova esta decisão dela, mas é exatamente o que ela quer. E com a ajuda da irmã, ela arruma um emprego temporário como assistente pessoal de Mark Bressler, um jogador de Hóquei que após um acidente terrível de carro, teve que se aposentar mais cedo. Mark e sua frustração com o que lhe aconteceu, se tornou extremamente grosseiro e cruel, afastando as pessoas ao seu redor, inclusive, todas as enfermeiras e assistentes que o seu time contratou para lhe auxiliar na recuperação, ele tratou de espantar com seu mau humor. Até que lhe enviam Chelsea e prometem a ela um bônus alto se ela conseguir se manter no emprego por um determinado tempo.


O livro então irá se desenvolver em Chelsea se esforçar ao máximo trabalhando para Mark. Ele a hostiliza durante todo o tempo e não perde uma única oportunidade em humilhá-la, porém, Chelsea precisa do bônus para pagar pela cirurgia plástica e aos poucos, com muito traquejo, consegue domar Mark e lhe provar o quanto ela pode ser útil na vida dele.

Claro que o romance dentro do livro é muito previsível e só ficamos esperando pelo momento em que os dois irão se interessar um pelo outro, mas essa construção demora um tempo para acontecer porque antes surge uma cumplicidade forte e deliciosa entre os dois personagens.

Chelsea é uma protagonista maravilhosa. Ela está fora dos padrões de beleza que a gente está acostumada a ver nos livros. Além disso, ela se veste de uma forma toda estapafúrdia e seus cabelos chamam a atenção pelas duas cores que ela os pinta (loiro e rosa). Ela tem uma língua afiada e as suas respostas são as melhores para o Mark, e isso gerou uma leitura muito divertida. Várias cenas com diálogos inteligentes me renderam gargalhadas altas.



Mark é um personagem chato a princípio, mas um chato lindo! A gente entende a sua amargura porque ele deixou de fazer algo que era fundamental para a sua felicidade: jogar hóquei. E quanto mais o entendemos, mais nos divertimos com o fato dele ser ranzinza e implicante.

Durante o desenvolvimento do enredo, percebemos que um conflito está se formando e eclodirá a qualquer momento, e quando isso acontece, embora a gente saiba que será resolvido, acabei ficando bem tensa e um pouco decepcionada porque a solução se deu de forma muito corrida, mas isso não tirou o brilho da leitura para mim e na empolgação da minha satisfação com a leitura, ouso dizer que este é um dos melhores livros da autora, que consegue administrar leveza, sensualidade, romance e bom humor em suas histórias.

Este livro é o quinto volume da série Chinooks Hockey Team, que a cada livro traz um jogador do time de Hóquei como protagonista, porém não é necessário ler os outros quatro livros para se deliciar com esta trama. Eu mesma não li o quarto volume e não senti falta de nada, embora queira muito ler em breve. Minha única ressalva grave é quanto a capa que a editora Pandorga escolheu em sua publicação: a personagem é branca de olhos azuis e o mocinho é um esportista que detesta roupas sociais, logo, essa capa não representa nem de longe o casal do livro.


Recomendo para quem gosta de chicklit, com uma pitadinha a mais de erotismo. Nada vulgar ou desnecessário, mas na medida certa para entendermos a química entre o casal. Para quem gosta de personagens que estão fora do padrão estabelecido pela sociedade, também é uma boa pedida. Para os românticos modernos, o livro é um prato cheio e além de emocionar, pode divertir intensamente o leitor.

Eu adorei!!!



Um pouco sobre a autora: Rachel Gibson nasceu em Nova York. Escreve desde os 16 anos e já ganhou vários prêmios importantes por suas obras. No Brasil, temos os seguintes títulos publicados:

- Sem Clima Para o Amor (Amigas Escritoras #2)
- Sempre ao Seu Lado (Amigas Escritoras #3)
- Simplesmente Irresistível (Chinooks Hockey Team, #1)
- Problemas à Vista (Chinooks Hockey Team, #5)
- Loucamente Sua
- Daisy Está na Cidade (Lovett Texas #1)
- Maluca Por Você (Lovett Texas #2)
- Salve-me (Military Men #1)
- Correndo Para Você (Military Men #2)

16 comentários:

  1. Tudo bem? já li livros da Rachel Gibson e me diverti. Não é um tipo de leitura que eu faça com frequência.. Mas curti a escrita dela e me fez relaxar.
    Esse ainda não li e pela sua resenha já pude ter uma ideia melhor do que se trata.
    Obrigada pela dica.
    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Então, eu li alguns livros dela e gostei, que foi a da saga Lovett Texas, mas não fui mais atrás de outros e até curtia o estilo das capas, mas este achei que ficou muito sombria. Não curto esta coisa de hóquei o que é outro fatos, mas para os EUA é muito bom né. Mas gostei da sua resenha apesar do personagem ser chato.

    ResponderExcluir
  3. Oi Ivi! Nunca li nada da autora e achei legal essa série com os jogadores de hóquei. Este não é um tipo de romance que eu leio com frequência, mas gostei da história! Achei o fato da personagem ser fora dos padrões legal, porque quase nunca temos protagonista fora do padrão. Quero saber como o romance dos dois vai deslanchar e se ele vai parar com a rabugisse..



    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Não conhecia esse livro e acho que um pouco dessa história da Chelsea ir trabalhar como assistente pessoal do Mark e até mesmo a parte de ele ter se tornado uma pessoa mais fria, me lembrou um pouco o livro Como Eu era Antes de você, mas vejo que também tem suas diferenças. Parece mesmo que a protagonista é bastante cativante e fiquei curiosa para ler o livro!

    www.virandoamor.com

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro, mas gostei da premissa, mesmo sendo previsível surge a cumplicidade entre os personagens, isso sempre nos faz se apegar a eles e a leitura flui melhor. Mas é uma pena a resolução do conflito ter se dado tão rápida. Vou anotar a dica, ainda mais por não depender dos outros volumes da série.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Gosto da escrita da Rachel, sempre com uma pegada de humor e uma boa ambientação no enredo.
    Os personagens são apaixonantes e mesmo tendo muito clichê ficamos presos na história.
    Fiquei curiosa com a trama e me animei a dar uma chance já que tenho esse livro na estante e até então estava esquecido.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  7. Adorei a resenha, o livro tem uma historia com uma personagem maravilhosa e divertida ai tá o ponto forte que fez eu me interessar pelo livro.
    Beijos, sucesso

    ResponderExcluir
  8. Sinceramente nunca li nenhum dos livros dessa autora, porém se não me engano já adquirir dois livros, que ainda não tive oportunidade de ler. E agora ao saber desse novo lançamento e o quanto a protagonista e diverta, e possuir um gênero que eu amo, com uma pitada de erotismo, o que deixa uma pegada muito envolvente. Não sabia que esse livro era parte de uma série. Espero gostar dessa história.

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?

    Confesso que até hoje não li nada da autora. o.o
    Até curto um chick-lit, mas não é algo que eu leia com frequência, mas gosto dessas indicações, costumo dizer que livros divertidos assim são ótimos para nos tirarem das nossas DPL. rs
    Uma pena a editora não ter dado uma atenção a capa....

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  10. Olá, preciso ler algo da autora logo! Juro que achava que por essa capa e título esse livro tinha algo a ver com mistério ou um enredo policial, rsrsrs. Bom saber que é um romance. Já vai pra lista de desejados.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Eu nunca li nada da autora, achei o enredo bem interessante, mas tenho um pouco de pé atrás quando me falam que o mocinho fica implicando com a mocinha e depois é amor pra vida toda. Tem muito livro onde isso acontece e a gente vê que o mocinho foi babaca sem motivo, porque a mocinha também tem seus traumas. Porém confesso que fiquei curiosa, então vou deixar a dica na geladeira por enquanto, quem sabe um dia eu leia.

    Beijos
    https://www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  12. Você mudou a carinha do blog e eu achei muito amorzinho, que lindinho! Sobre a autora, concordo contigo, eu também procuro sempre ler algo dela porque a forma que ela escreve, por mais que seja uma fórmula clichê, é unica! Ainda não conhecia essa obra mas já quero pra logo!

    ResponderExcluir
  13. Olá! Tudo bom?

    Já tentei ler um livro dessa autora a muito tempo atrás e realmente eu não consegui me prender na forma de escrita dela, então sempre que vejo livros dela eu já passo direto, infelizmente. Porém eu gostei do enredo desse, de verdade me chamou a atenção. Gostei de saber que tem uma pitada de erotismo, isso me deixou mais com mais propicia para iniciar a leitura. Não tenho certeza se irei lê-lo, mas dos livros que vi dela esse foi o que mais me chamou a atenção, principalmente por causa do personagem principal. Enfim, amei a sua resenha ♥

    Um beijo

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu nunca li nada dessa autora, mas confesso que fiquei repartida sobre ler esse livro ou não. O enredo me lembrou muito Como eu era antes de você, embora com uma carga dramática bem menor. Foi mais pela questão da mocinha fora do padrão precisando de dinheiro vai trabalhar ajudando um homem que teve sua vida transformada por um acidente e que no começo a trata muito mal. Então, por mais que eu tenha amado Como eu era antes de você, acho que essa falta de originalidade do enredo iria me incomodar.
    Além disso, não gostei de saber que a solução do livro foi corrida.
    Por outro lado, me pareceu uma leitura leve e divertida, então, acho que pode ser uma boa opção para intercalar com outros livros ou curar uma ressaca literária.
    De qualquer forma, apesar de não ter me decidido em relação à ler ou não, adorei sua resenha e fico feliz que tenha gostado da leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bom?

    Gostei da premissa desse livro, principalmente por saber que a mocinha não está nos padrões de beleza. Não sei se eu gostarei tanto do Mark, acho que só lendo para confirmar, mas ele parece ser um chato. Eu nunca li um livro da Rachel Gibson, mas acho que essa série seja uma boa pedida e talvez eu dê uma chance, mas prefiro ler na ordem para não me perder, rs.

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
  16. Olá,

    Eu achei esse livro por 10 reais na bienal do meu estado, mas como já tinha extrapolado, não pude trazer. Acho os livros da Rachel muito divertidos, são clichês, mas a autora tem uma escrita tão gostosinha que nem ligo haha. Gostei da premissa e espero ler logo.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir