0

Helena de Pasadena (Lian Dolan)


Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 23º livro lido em 2015 e foi HELENA DE PASADENA (Liam Dolan). Eu nunca tinha ouvido falar nem do livro e nem da autora, mas peguei a indicação deste livro em um dos canais literários que eu acompanho no Youtube.

O livro nos traz a Helena, uma mulher de 40 anos que sempre viveu bem. Ela tinha um bom casamento, um filho atleta na escola, uma vida de voluntariado e nunca precisou se preocupar com dinheiro, até que seu marido morre e seu mundo começa a despencar sobre sua cabeça.

Mergulhada em dívidas e preocupada com a vida escolar do filho, ela encontra um emprego temporário de assistente de um arqueólogo, o Patrick, que está na cidade fazendo pesquisas sobre estudos realizados sobre as cidades gregas e Helena e Patrick se envolvem rapidamente. Mas não é o típico envolvimento de livros do gênero, existe uma boa química entre eles e Patrick ajuda Helena a se reencontrar na vida, mas a relação amorosa dos dois é construída lentamente, enfrentando alguns mal entendidos e contratempos.

O livro é uma deliciosa comédia romântica. Não é um livro para morrer de dar risada e nem para ficar suspirando de amor, mas é uma leitura leve, tranquila e que atende ao público que aprecia  chicklits.

Helena tem uma auto imagem distorcida mas é impossível não se identificar com ela em vários aspectos. Suas amigas roubam a cena em diversas passagens do livro e para mim, foi impossível não imaginar o Patrick como o inesquecível e maravilhoso Harrison Ford quando viveu o lendário Indiana Jones nos cinemas. 

O mote principal do livro é previsível e bem clichê, mas ainda assim, adorável. As histórias secundárias que orbitam o romance principal são ótimas porque é delas que consegui extrair os momentos engraçados da leitura: Helena se desfazendo dos bens para pagar as dívidas deixadas pelo marido; as amigas a auxiliando no novo emprego; uma velha disputa entre colegas de colégio, enfim, o livro é um bom passatempo e cumpre com o seu papel de entretenimento.

A narrativa construída em primeira pessoa, nos coloca dentro da cabeça da Helena e ela é uma mulher tão comum, tão eu e você, que acredito que por isso o texto tem uma boa conexão com a realidade. Nada é forçado ou exagerado e eu sempre valorizo muito isso dentro de uma história contemporânea. Além disso, o livro traz uma sutil pincelada sobre a história da Helena de Troia, nada muito profundo ou que já não seja de domínio público, mas foi bem inserido na trama e deu um toque diferenciado ao texto.

Recomendo para quem gosta de chicklits e romances despretensiosos. Para quem está a procura de uma leitura leve e pouco reflexiva, este é o livro ideal.

Eu gostei bastante!!!


Um pouco sobre a autora: Lian Dolan é escritor, produtora e locutora. Ela escreveu dois livros que versam no gênero das comédias românticas com um toque de história. Ela atualmente escreve e produz o podcast semanal e blog The Chaos Chronicles, que traz um olhar bem-humorado sobre a maternidade moderna, que foi desenvolvido para TV. Helena de Pasadena é o seu único livro publicado no Brasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014