21.9.20

Indicações: Personagens com Deficiência #02


Já comentei algumas vezes sobre minha preferência por livros com personagens com deficiência até por me sentir representada, pois representatividade sempre importa!

Dia 21/09 é o dia nacional da luta das pessoas com deficiência (é meu aniversário também! J) e trago novas indicações de livros com personagens lindos para vocês:

Um lugar no coração (S. Miller):  Alice é apaixonada por música, livros e filmes, ficou famosa como pianista do Teatro Municipal. Ela está grávida, descobre que o bebê (que se chamará Anna) tem síndrome de Down e decide fazer uma viagem e conhecer cidades em que seus filmes favoritos foram inspirados ou gravados para realizar um sonho e também escreve um diário com direito a fotos sobre a viagem para Anna. A síndrome de Down é abordada de forma simples, sem termos técnicos e o epílogo narrado por Anna é lindo e emocionante! A mensagem do livro é de amor em todos os sentidos e de aproveitar cada momento da vida, além da importância de recomeços e segundas chances.
Resenha AQUI






Benjamin (Tici Pontes): Já conhecia o personagem pelo livro “Dante”, em que ele se se mostrou exemplo de amigo, presente em todas as horas e fiquei animada para conhecer mais sobre ele. Benjamin é advogado, bem-sucedido e casado com Melissa. Após uma fratura, descobre que tem câncer nos ossos e precisa amputar a perna. A postura de sua esposa Melissa após a amputação é ridícula e o impacto para Benjamin é enorme, mas ele encontra apoio no amigo Dante e em Amora, enfermeira que conhece durante as sessões de quimioterapia. A descrição dos pensamentos e reações de Benjamin é intensa, sofri e torci por ele. Os detalhes do tratamento descritos pela autora que também é enfermeira enriquecem bastante a leitura. A mensagem é de força, superação e de valorizar aqueles que realmente merecem. Adorei, recomendo e gostaria de outros capítulos para acompanhar mais de Benjamin na nova fase de sua vida.



Plurais (Vários autores): Trata-se de uma antologia composta por 20 contos em que os protagonistas são pessoas com deficiência física, visual, auditiva ou múltipla. Os contos apresentam situações diversas como adolescentes descobrindo o primeiro amor, os desafios na escola, faculdade e na vida adulta em geral e até uma releitura de Rapunzel. Reconheço que gostei mais de alguns contos do que outros, mas fiquei muito feliz por ver pessoas com deficiência como protagonistas, demonstrando fraquezas e dificuldades, mas acima de tudo força de vontade, coragem para encarar a vida e me senti representada em diversas situações.
Resenha AQUI






Perfeito Pra Mim (Kel Costa): Vi essa indicação em um grupo literário do facebook e já adianto que esse livro ganhou meu coração, foi um dos melhores que li nesse ano! Rosa e Christopher trabalham na mesma empresa e se conhecem ao se encontrarem no elevador. Ele é cadeirante e os primeiros momentos deles juntos já são divertidos, Christopher é comunicativo, inteligente e engraçado e Rosa é forte e determinada. O dia a dia dele é descrito de forma bem detalhada, desde a importância de ser independente em diversos aspectos até os momentos de medo e insegurança, assim como as necessidades dele como paraplégico. É um romance fofo e divertido, com alguns momentos tensos devido ao passado deles e vários trechos hot, mas fiquei encantada ao perceber que ambos lutaram pela felicidade do outro e pelo relacionamento em todos os sentidos, até com detalhes simples que podem ser extremamente importantes. A mensagem do livro é de força, inclusão e aceitação, mas principalmente de amor, super recomendo!


Além do azul (Jussara Leal): O casal protagonista é formado por Sophie e Henrico. Henrico é autista e eles são amigos de infância, apaixonados um pelo outro, mas não se envolvem nem assumem esse sentimento até mudarem de cidade e conviverem juntos. O livro é narrado de forma alternada e é muito interessante acompanhar as reações da personalidade louca e divertida de Sophie e o tímido Henrico com suas pesquisas e explicações para qualquer fato. Há descrições bem detalhadas dos momentos complicados para ele, mas também vários momentos lindos de superação pessoal, de apoio da família e momentos em que Henrico é forte e apoia Sophie incondicionalmente. Como a história ainda está em andamento é é postada no Wattpad, fico sempre curiosa pelos próximos capítulos. Para quem queira conhecê-los e possa esperar as postagens, recomendo muito a leitura!



Espero que vocês tenham gostado das indicações e caso conheçam outros livros com personagens com deficiência, deixem nos comentários porque vou adorar conferir!

12 comentários:

  1. Oi, Kelly!
    Primeiramente, feliz aniversário! <3

    Acho que nunca li nada com personagens deficientes, justamente porque são assuntos pouco abordados. Então, amei a dica do dia! Inclusão é algo que é sempre válido estar em alta, porque é uma questão muito importante. Achei super bonito o título "Perfeito pra mim". Ainda bem que a palavra "perfeição" tem um significado diferente para cada pessoa. Plurais também deve ser uma boa leitura, por ser contos e abordar mais tipos de deficiência.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Olá Ivi!
    Representatividade nunca é demais e felizmente temos visto que os autores estão sendo mais cuidadosos nesse aspecto, trazendo para os leitores histórias diversas e que abrangem as diferenças.
    Gosto muito de livros assim porque eles causam uma reflexão profunda em quem está lendo, e nos fazem valorizar mais a vida, porque muitas vezes reclamados sem parar para pensar que existem pessoas em situações muito mais difíceis e desafiadoras.
    Da lista a obra que mais me chamou atenção foi Um Lugar No Coração, pois mais do que a Síndrome de Down, a obra também parece falar muito de amor (e devo dizer que essa capa é muito bonita).
    Ahhhhhhhhhhh e parabéns! Desejo tudo de bom pra você, muita saúde e felicidades.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Vou te dizer que adorei Plurais, achei a ideia dos contos muito bacana e claro tem toda a questão de diversidade que é muito importante..
    Gostei do post e ter abordado personagens com deficiência.

    ResponderExcluir
  5. Pode dar parabéns atrasado? hahaha feliz aniversário <3

    Vendo seu post, me fez pensar que existem poucos livros com personagens com deficiência, não é? Eu, particularmente, consigo contar nos dedos de uma mão quantos li. Dos que você apresentou ainda não conhecia nenhum, mas já vou adicionar na minha listinha. Adorei as dicas!

    ResponderExcluir
  6. Olá Kelly!
    Com certeza representatividade é muito importante. Confesso que antes de ler esse post eu não tinha pensado nos livros que li que retratavam alguma deficiência física, fiquei feliz com as indicações pois vou correndo corrigir essa falha no meu mundo literário. Gostei particularmente da premissa de Perfeito para mim e Benjamin.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Kelly!
    Parabéns pelo aniversário, tá atrasado mas é de coração, viu?! Muitos anos de vida cheios de saúde e alegrias!
    Em relação ao post, eu amei!
    Tenho os ebooks Benjamin e Perfeito Pra Mim mas ainda não li, minhas expectativas em relação a Benjamin está bastante alta e a escrita da Kel Costa eu já conheço e gosto bastante, então com certeza vou amar ler a história de Rosa e Christopher.
    Não conhecia Além do azul, mas já fiquei interessada e vou tentar acompanhar as postagens no Wattpad.
    Minhas indicações: Veja da Ariane Fonseca, a protagonista é cega; Cante Para Mim, a filhinha dos protagonistas tem Síndrome de Asperger, não curti tanto o romance no livro mas achei interessante o tema abordado; e A Canção de Annie da Catherine Anderson, essa história é simplesmente linda e emocionante!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  8. Ivi,
    Nunca tinha ouvido falar de nenhum desses livros. Aliás, estou tentando lembrar de algum livro que eu tenha lido que tivesse um personagem PCD. Não consigo recordar de nenhum. E acho isso péssimo, porque todas as pessoas precisam ser sempre representadas. Vou tentar procurar por esse livros.
    Muito obrigada pelas dicas.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns atrasado hahah Acho legal você trazer essas dicas pro blog, pois dificilmente vemos personagens deficientes em livros, muito menos um protagonista deficiente. Representatividade é muito importante, seja ela na literatura ou não!

    ResponderExcluir
  10. Parabéns mais que atrasado.
    Sinceramente não conhecia nenhum desses livros, e acho que nunca li algum livro onde tenha personagem com deficiência, preciso valorizar mais livros que tratem a deficiência. Vou pesquisar sobre todos esses livros para ler brevemente.

    ResponderExcluir
  11. Dos livros que você citou Plurais está na minha lista de futuras leituras, já os outros, confesso aue não conhecia. Grata pelas dicas : ) E também gosto de livros do tipo, justamente por mostrarem uma realidade fora dos padrões idealizados em várias obras que vemos por aí.

    ResponderExcluir
  12. Olá Ivi, tudo bom?
    Não conhecia nenhum desses livros, acredita? Mas fiquei bem interessada em Plurais e em Benjamin e esse segundo ainda me deixou mais curiosa em relação ao tratamento que é descrito, pela autora ser enfermeira. Anotei as dicas ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir