20.1.21

Séries do meu coração #48 Pessoas Normais


Oi gente que ama livros, hoje venho com mais um post da coluna Séries do Meu Coração e compartilharei com vocês meu amor por mais uma série apaixonante.

A série do mês é Normal People.
Meu interesse pela série surgiu após a leitura do livro de mesmo nome em que conhecemos a história conturbada do amor entre Connell e Marianne, dois jovens no interior da Irlanda, com vidas e posturas diferentes, mas que por algum motivo indecifrável, não conseguem ficar longe um do outro, ainda que nem sempre se façam bem.

Como minissérie, Normal People aposta suas cartas no público leitor de Sally Rooney. Além de trazer a autora como co-roterista em seis episódios, a produção dedica episódios inteiros a capítulos específicos, mantendo-se fiel ao texto adaptado e encenando diálogos inteiros entre os personagens. Toda alteração narrativa necessária foi pontual e deu fidelidade a obra original, encontrada em pouquíssimas produções.

O enredo de Normal People é simples e quase desinteressante: dois adolescentes se aproximam na escola, se gostam, mas ele é popular e ela é o objeto de bullying da galera descolada. Eles mantêm a relação em segredo e se magoam. Se reencontram na universidade e o jogo virou: Marianne é a garota legal, e cheia de amigos enquanto Connell é o estranho.


A série conseguiu ressignificar alguns dos temas inseridos no livro através do tom da narração  intenso e consistente em seu distanciamento da ação, em um clima sufocante que pontua diversos arcos narrativos. O desconforto nos episódios como a chegada de Connell em Dublin, a viagem com Helen para Sligo e as interações de Marianne e Alan, especialmente após o retorno da jovem da Suécia, foi estabelecido com maestria pela equipe de produção.


É uma série que me ganhou pela fidelidade com o livro e pelas interpretações lindas dos atores aos personagens que já tinham ganhado meu coração no livro.

Adorei!

Confiram o trailer:

 

Mês que vem trago mais séries do meu coração.

Beijos

Um comentário:

  1. Oi, Ivi!
    Essa é uma das séries do meu coração também. Me apaixonei pelo trabalho dos atores e como eles conseguiram mostrar tão bem toda a agonia e inseguranças dos personagens, de um jeito tão lindo e real. Adoro a trilha sonora!

    Beijos, Fantasma Literário

    ResponderExcluir