17.6.19

Sobre Meninos e Lobos (Dennis Lehane)

FICHA TÉCNICA
Nome original: Mystic River
Autores: Dennis Lehane
Tradução: Luciano Vieira Machado 
País de origem: Estados Unidos
Número de páginas: 344
Ano de Lançamento: 2002
ISBN-13: 9788535903058
Editora: Companhia das Letras

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 42º livro lido em 2019 e foi Sobre Meninos e Lobos (Dennis Lehane). Eu já queria ler este livro há muito tempo, mas nunca conseguia encaixar na minha lista de leituras. Um outro motivo que me afastou deste livro foi o fato da adaptação cinematográfica baseada neste enredo ser um dos meus filmes favoritos da vida e eu tinha medo que o livro fosse melhor e isso estragasse a minha percepção do filme. Enfim, deixei estes motivos para trás e decidi finalmente ler esta história.

O livro começa com a vida de três meninos que vivem em bairros próximos, mas não necessariamente iguais de Boston. Sean Devine vive em uma área nobre, enquanto Jimmy Marcus e Dave Boyle moram em uma parte menos favorecida. No entanto, os três são colegas e fazem coisas juntas como três crianças normais.

Os três brincavam na rua quando foram abordados por falsos policiais que raptaram Dave e o submeteram a abusos sexuais. Dave consegue escapar, mas fica marcado para sempre pela violência que sofreu, não conseguindo se inserir de volta à sociedade, mesmo que seja algo velado.

Apesar de Dave ter sido o único a entrar no carro, os três meninos, agora homens, foram profundamente traumatizadas pelo acontecimento e isso se reflete na vida de cada um. Sean torna-se policial, enquanto Jimmy segue pelo caminho oposto, e se envolve em crimes precocemente, sendo preso em seguida e tendo que recomeçar sua vida. Muitos anos depois, os três se reencontram, em função de outro ato de violência: a filha adolescente de Jimmy, Katie, é assassinada e muitos indícios acabam caindo sobre Dave.

Este livro me consumiu de uma maneira absurda. A escrita do autor é muito intensa e visceral e nos faz sentir o que os personagens sentem: a revolta de Dave e o medo de que ele se torne como os homens que o violentara, entendemos Jimmy e a dor da perda da filha que ele amava demais. Sean teve uma vida mais privilegiada, porem atravessa uma circunstância bem complicada em seu casamento. Os arcos dos três personagens são bem desenvolvidos e entrelaçados na medida certa, o livro se desenvolve no mistério em descobrir o verdadeiro assassino de Katie, ao mesmo tempo que conhecemos um pouco mais de cada um destes homens.

O filme de 2003 é muito fiel ao livro e isso foi um bálsamo para o meu coração porque se eu já amava a produção, amo um pouco mais conhecendo o seu original. Porém, o livro nos leva a refletir sobre muitas coisas e sobre o peso de cada decisão em nossas vidas. Conseguimos imaginar os caminhos diferentes que cada um destes personagens teria tido na vida se aquele crime inicial não tivesse acontecido. Conseguimos conjecturar sobre a possibilidade de outras pessoas serem as responsáveis pela morte da Katie e isso de certa forma nos angustia.

Enfim, como o filme é fiel ao livro, eu já sabia a identidade do assassino, mas isso não diminuiu ou desbotou a minha satisfação com o desfecho da narrativa. O destino de cada um deles é traçado de forma a nos emocionar, revoltar e ainda assim entender que talvez não pudesse ter sido diferente.

Sem dúvida, é um dos melhores livros que li este ano e quero conhecer mais do autor. A maneira como ele desenvolveu a história e humanizou cada personagem foi brilhante e quero reencontrar estas mesmas características em outras leituras.

Para quem gosta de suspense, o enredo traz isso com uma investigação policial interessante. Para quem gosta de além do mistério, com sentimentos fortes bem inseridos na trama, o livro também traz isso com maestria. Foi uma leitura que me incomodou e me consumiu, mesmo que eu já soubesse do final.

Eu amei!!!


Um pouco sobre o autor: Dennis Lehane é um escritor norte-americano de romances policiais. Ele é conhecido por livros violentos, com enredos investigativos e atmosfera sufocante, em estilo noir. A maior parte dos seus livros conta os casos investigados pela dupla de detetives particulares Angela Gennaro e Patrick Kenzie. Alguns de seus livros publicados são:

  • Sobre Meninos e Lobos
  • Um Drink Antes da Guerra
  • Apelo às Trevas
  • Sagrado
  • Paciente 67

Nenhum comentário:

Postar um comentário