Leitura de Verão (Emily Henry)

domingo, 4 de setembro de 2022


Ficha Técnica:

Nome Original: Beach Read
Autora: Emily Henry
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: Cecília Camargo
Número de Páginas: 364
Ano de Lançamento: 2022
ISBN13: 9781984806734
Editora: Verus
SKOOB | GOODREADS | Compre na AMAZON 

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 56º livro lido em 2022 e foi Leitura de Verão (Emily Henry). Ao meu redor, todo mundo parecia ler este livro, mas eu ainda não tinha me animado, até que uma amiga me enviou áudios empolgados sobre a leitura e eu decidi acatar sua indicação e conhecer o romance.

O livro nos traz January Andrews, uma renomada autora de romances, mas que no momento se encontra em um bloqueio criativo. Essa situação piora um pouco quando ela descobre que será vizinha de August Everett pelos próximos três meses, seu desafeto na faculdade e também escritor, de um gênero diferente do dela. Em uma noite, Gus e January fazem uma aposta: o próximo livro terá que ser diferente de suas publicações anteriores. Entre passeios, conversas e trocas de mensagens escritas em papéis, ao final desse verão os dois terão muito mais que seu próximo best-seller.

January é uma romântica incurável que utilizou de romances e finais felizes para atravessar períodos conturbados da sua vida. Entretanto, uma revelação envolvendo seu pai a deixou desiludida e atrapalha seu processo criativo. Como acreditar em final feliz se o único que ela conhecia não era tão verdadeiro assim?

De primeira, Gus pode soar bastante arrogante com suas críticas aos romances, mas ao longo do livro e à medida que ele conversa com January, descobrimos que na verdade ele não teve os mesmos exemplos de amor dela, porém, apesar de suas opiniões, em nenhum momento ele critica January como escritora. Seus ideais são opostos, mas o respeito é mútuo.

Temos os bastidores de um livro: o processo de escrita, em que o relacionamento deles se desenvolve. Entre passeios românticos para ajudar Gus a escrever seu romance, entrevistas envolvendo um culto suicida para January, conversas sobre vinho e deitados nas cadeiras de praia no pátio da casa, os dois se abrem - principalmente Gus - e a relação floresce.

A leitura me pegou de jeito desde o início e quando percebi, já tinha acabado. Com leveza e inteligência, a autora desenvolve um romance consistente, que facilmente poderia acontecer com qualquer ser humano no planeta Terra, agregando também valores e princípios importantes para toda e qualquer vida adulta.

Amei!!!


Um pouco sobre a autora:
Emily Henry é autora em tempo integral, revisora e conhecedora de rosquinhas. Estudou Escrita Criativa na Hope College e no Centro de Artes e Estudos de Mídia em Nova York, e agora passa a maior parte do tempo em Cincinnati, Ohio.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ivi Campos

46 anos. De todas as coisas que ela é, ser a mãe do André é a que mais a faz feliz. Funcionária Pública e Escritora. Apaixonada por música latina e obcecada por Ricky Martin, Tommy Torres, Pablo Alboran e Maluma! Bookaholic sem esperanças de cura, blogueira por opção e gremista porque nasceu para ser IMORTAL! Alguém que procura concretizar nas palavras o abstrato do coração.




.

Colunistas

sq-sample3
Kesy
sq-sample3
Kelly
sq-sample3
Laís

Facebook

Instagram

Resenhas

Filmes

Meus Livros

Músicas

Youtube


Arquivos

Twitter

Filmes

Mais lidos

Link-me

Meu amor pelos livros
Todas as postagens e fotos são feitas para uso do Meu amor por livros. Quando for postado alguma informação ou foto que não é de autoria do blog, será sinalizado com os devidos créditos. Não faça nenhuma cópia, porque isso é crime federal.
Tecnologia do Blogger.